PRÓTESES: PESSOAS DE 50 ATÉ 70 ANOS

Existem várias opções de próteses para as pessoas na faixa etária dos 50 a 70 anos. Os critérios para escolha do implante são:

  • A qualidade do osso. Pessoas com os ossos fragilizados devido à osteoporose, principalmente mulheres, requerem uma escolha muito criteriosa do componente femoral. Exatamente por estar mais fraco, o fêmur, muitas vezes, não consegue se integrar totalmente à prótese, o que pode provocar o afrouxamento do implante. Já o componente acetabular da prótese, por contar com a ajuda de parafusos que reforçam sua fixação ao osso, é mais facilmente incorporado à bacia.

  • O grau de atividade física do paciente é um indicativo para a escolha do tipo de superfície de atrito da prótese. Aqueles que apresentam osso resistente, elevado nível de atividades físicas e bom estado geral podem receber as próteses mais estáveis, do tipo resurfacing. Estas próteses irão propiciar condições para a manutenção e até mesmo o aumento do nível de atividade. Já os pacientes com atividade física intermediária mas com uma expectativa de vida elevada podem se beneficiar com as próteses de cerâmica ou de polietileno crosslink, que além de resistentes apresentam maior durabilidade.

  • É preciso levar em conta que a expectativa de vida vem aumentando ano após ano. Por essa razão, deve-se imaginar que o paciente vá viver até os 90 anos ou mais, sendo importante escolher uma prótese que dure o máximo de tempo possível.

  • As cirurgias minimamente invasivas e realizadas com o auxílio do computador apresentam recuperação mais rápida e maior durabilidade da prótese.

  • O mau posicionamento da prótese poderá desencadear um desgaste mais rápido do material e a necessidade de sua substituição em menor tempo.

Resurfacing Cerâmica-cerâmica

 
     
  Web Design Labore Comunicação