PRÓTESES CIMENTADAS

As próteses do quadril podem ser fixadas com um cimento ósseo constituído por polimetilmetacrilato, PMMA, um polímero em forma de pó que quando misturado ao monômero líquido forma uma massa que solidifica em média entre 10 e 15 minutos. Esse cimento não é uma cola. Ele seca interpondo-se entre o osso e a prótese e promove sua fixação por pressão. A reação química é do tipo exotérmica, que libera calor, e o aquecimento durante a fase final de secagem pode chegar a mais de 100º Celsius em camadas de cimento com espessura superior a 3,5 mm.

O manto de cimento interposto entre a prótese e o osso deve ter uma espessura entre 1,5mm e 3mm para que haja resistência mecânica e o implante não solte.

Essa fixação com cimento é mais utilizada naqueles pacientes que não possuem uma boa qualidade esquelética, que permita o crescimento ósseo em direção ao interior da prótese (fixação biológica).

Uma das vantagens da fixação com cimento é permitir uma carga de peso imediatamente após a cirurgia, ao passo que uma de suas principais desvantagens é a dificuldade de retirada do implante se for preciso substituir a prótese.

Corte esquemático do fêmur mostrando a prótese em seu interior Instrumental para preparação e introdução do cimento

Para que o manto de cimento seja distribuído de forma homogênea pelo osso ele deve ser injetado sob pressão. Com a finalidade de evitar que o cimento extravase por todo o canal femoral, coloca-se um plug na área limítrofe, com a finalidade de delimitar a que deverá receber o material. A seguir, injeta-se com uma seringa especial o cimento que foi previamente misturado em uma espécie de mixer a vácuo e, logo após a pressurização do canal ósseo, introduz-se a prótese, mantendo-a na posição até que se complete o tempo de secagem, entre 10 e 15 minutos. O cimento também pode ser utilizado para a fixação do componente acetabular da prótese na bacia.

Uma outra aplicação para esse material é a confecção de próteses provisórias, utilizadas no tratamento de infecções, quando ele pode ser acrescido de antibióticos.

Modelos de componentes femorais de próteses Para a retirada da prótese e do cimento muitas vezes torna-se necessário abrir uma janela no fêmur, pela aderência do material ao osso.
 
     
  Web Design Labore Comunicação